Compartilhe

Família Bryconidae: Apresenta corpo alongado e comprimido, revestido por escamas. Geralmente carnívoros, com dentes bem desenvolvidos com boca óssea frontal e dentição molar e cônica.

Nome comum: jatuarana, matrinxã, sálabo

Nome cientifico: Brycon melanopterus sp.

capturado no rio Verde (MT) na pesca de espera nas corredeiras com uso de pedaço de peixe com isca em 04/01/2012

Dados biológicos: migratório trófico e  reprodutivo na cheia – cuidado parental

Hábito alimentar: onívoro (frutos, sementes, insetos e pequenos peixes)

Tamanho: porte grande de até  80 cm e 8 kg

Habitat: bacia amazônica (corredeiras e margens com frutos)

Status de conservação: não ameaçado

Importância: na diversidade de espécie, na pesca comercial e esportiva

Dicas de pesca: Pode ser pescado o ano todo, durante o dia. Prefere corredeiras, próximo a árvores frutíferas. Frutas, coração de galinha, pedaços de coração de boi e minhocoçu estão entre as iscas naturais indicadas para pescar a jaturana. As artificiais mais eficientes são as colheres e spinners. Quando um bom exemplar é fisgado na corredeira, a melhor tática é descer o rio, evitando que o peixe use a força d’água para entortar os anzóis ou estourar a linha.

Leave a Comment